Daniela Mercury, “não se vive sem demônio”

Tempo de leitura: 3 minutos

A cantora Daniela Mercury durante sua apresentação no dia 22 de julho de 2018, no Festival de Inverno da cidade de Garanhuns-PE em um momento de sua apresentação disse “não se vive sem demônio”. Segundo a cantora, “sua empregada Maria, não pode ir a Igreja porque senão irão tirar os demônios e ela precisa da ajuda dos demônios para viver e sem demônio não vive”.

Ainda durante a apresentação fez duras críticas a prefeitura da cidade de Garanhuns pela proibição da peça “O Evangelho segundo Jesus, rainha do céu”, que nada mais é uma blasfêmia e total escárnio a religião cristã. Nessa peça Jesus Cristo é retratado e interpretado por travesti.

Confira o vídeo abaixo:

Obviamente, o cinismo não parou por ai. A proibição da peça teatral foi tratada como censura, preconceito, homofobia e assim por diante.

Certamente, se fosse um cantor secular que professasse a fé cristã e dissesse algo parecido como “sem Jesus ninguém vive! Minha empregada parou de ir ao terreiro de macumba, porque sem Jesus ninguém vive”, com toda a certeza esse cantor (que poderia ser até mesmo a cantora em questão) seria tratado de retógrado, preconceituoso, xenofóbico e assim por diante.

A argumentação como sempre é que vivemos em um país laico e que todos têm liberdade de expressão. Ora, país laico significa apenas que é um país sem religião oficial! Não significa país ateu, nem pais sem leis morais, muito menos país de demônios. A liberdade de expressão vai até onde termina o respeito.

Aliás, “respeito” e “diálogo” são as palavras chaves dessa gente em que, na sua imensa maioria das vezes não respeita nada e nem ninguém. São pessoas que definitivamente não conseguem conviver com o oposto, não conseguem conviver respeitosamente com pessoas diferentes. Querem a todo custo enfiar goela abaixo da maioria a ideologia de uma minoria.

Sem dúvida, como cantora, essa senhora tem um talento ímpar que poderia estar sendo usado para defesa da vida e defesa da família. São valores compartilhados pela grande maioria dos brasileiros, maioria essa, que teve especial participação em seu sucesso e crescimento profissional.

Estamos em pleno golpe contra nossa democracia, um golpe do poder judiciário que usurpou e usurpa poderes legisladores e que com apenas uma votação pode liberar a abominação do aborto no Brasil, indo contra a vontade da maioria do povo. Esse mesmo judiciário que pode anular a votação contrária ao ensino de ideologia de gênero das escolas do Brasil que também já foi negado pela população.

Vivemos sim, em um país em que há censura! Mas a censura é apenas contra pessoas que pensam diferente dessa militância marxista ateia. Essa semana estamos vendo com nossos próprios olhos o Facebook encerrando diversas páginas no Brasil. Não vamos entrar no mérito da questão já que em política, sobretudo a brasileira, não há santos. Mas o curioso é que nenhuma página marxista, comunista, abortista, de esquerda foi cancelada.

Essa pessoa que vos escreve já perdeu as contas de quantas vezes teve o perfil suspenso no Facebook e nas eleições de 2014 a quantidade de vezes que o blog e que várias postagens foram tiradas do ar em decorrência de uma militância eletrônica que maciçamente denuncia e congestiona o acesso de forma simultânea o que é contrário ao seu projeto de destruição e poder.

São tempos sombrios, sem dúvida nenhuma! Ainda mais agora, em que essa mesma militância começa a defender pedófilos! Muitos têm medo do fim do mundo, eu pelo contrário, já começo acreditar que pode ser a única esperança. Que Deus tenha misericórdia!


A Paz!

Fernando Y. Kanizawa
[email protected]

CAMINHO SAGRADO
www.caminhosagrado.com
www.facebook.com/caminhosagradoweb
@jesusmariajosek
www.instagram.com/caminhosagradodosenhor

Comments

comments

Cadastre seu e-mail para receber nossas publicações:

Delivered by FeedBurner

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *